Liberdade que aprisiona

Por Júlio Martinez. Em Estou Me Guardando Para Quando o Carnaval Chegar (2019) Marcelo Gomes (diretor de Era Uma Vez Eu, Verônica e Joaquim)  retorna  a Toritama, cidade em que costumava ir com seu pai quando criança, localizada no agreste de Pernambuco. Atualmente, o município é conhecido por ser a capital do jeans e seus moradores se encarregam de cerca de 20%…

Curso de Cinema e Audiovisual promove palestra sobre “Cinema e Intermidialidade” com Samuel Paiva

No dia 03 de março, terça-feira, Samuel Paiva, professor do Programa de Pós-Graduação em Imagem e Som, da UFSCar, realizará a palestra “Cinema e Intermidialidade”. O evento vai acontecer às 15h20, no Auditório 3, do Prédio 43.O documentário “Passagens”, dirigido por Samuel e pela pesquisadora Lúcia Nagib, será exibido no mesmo dia, às 13h30, na…

Feminino de peitos

“Jessica Rabbit is the perfect woman. So is Betty Boop”[1] Por Juliana Gusman. Lévi-Strauss, citado por Rodrigues (1979), propõe abordar a sociedade a partir da perspectiva de que o comportamento humano e as relações sociais constituem uma linguagem. Para o autor, o espírito humano opera em uma estruturação inconsciente que ordena relações entre sujeitos e…

“Quem matou Eloá?”: feminicídio e violência midiática

Por Juliana Gusman. Referenciado como “crime de amor” pelos principais veículos de comunicação do país, o assassinato de Eloá Cristina Pimentel e a cobertura midiática dele são recuperados, agora, criticamente, no documentário de Lívia Perez. O objetivo do filme “Quem matou Eloá?” é discutir a naturalização social da violência contra a mulher. Eloá foi mantida presa…