Até o amor ser bom, ele é tão ruim

Por Júlio Martinez. André Novais Oliveira é um dos diretores mais promissores do cinema brasileiro contemporâneo. Logo no início de sua carreira, seus filmes tiveram reconhecimento tanto nacional, quanto internacional, como o curta-metragem Pouco Mais de Um Mês (2013), disponível no canal da produtora mineira Filmes de Plástico, que passou na Quinzena dos Realizadores em…

Liberdade que aprisiona

Por Júlio Martinez. Em Estou Me Guardando Para Quando o Carnaval Chegar (2019) Marcelo Gomes (diretor de Era Uma Vez Eu, Verônica e Joaquim)  retorna  a Toritama, cidade em que costumava ir com seu pai quando criança, localizada no agreste de Pernambuco. Atualmente, o município é conhecido por ser a capital do jeans e seus moradores se encarregam de cerca de 20%…

Atlantique: um Transe Tropical

Por Júlio Martinez de Mendonça. Atlantique (2019), longa-metragem de estreia de Mati Diop, fez história no Festival de Cannes, sendo a primeira obra dirigida por uma mulher negra a entrar na competição pela Palma d’Or e, ainda, levar o  Grand Prix. O filme se passa no Senegal, na cidade de Dakar, onde acompanhamos um amor proibido entre…

A fala simples na reportagem

Por Caíque Pinheiro. No ultimo ano, a Academia Sueca fez juntar-se a nomes como Alice Munro, Doris Lessing, Mário Vargas Llosa e J.M. Coetzee a quase desconhecida Svetlana Aleksiévitch – uma senhora nascida ucraniana e criada na Bielorrúsia. Em comum, esses autores têm o Nobel de Literatura, mas, à diferença de quase todos, Svetlana o…